publicidade

publicidade

3 dicas importantes para ter uma cozinha moderna e funcional


Planejar a decoração da casa envolve a escolha dos móveis, aparelhos e eletrodomésticos que melhor se adequam à rotina dos moradores, ao tamanho dos cômodos e às preferências de cada pessoa, inclusive na combinação com demais elementos da residência, como cores das paredes, pisos e azulejos. Nesse sentido, a cozinha é um dos ambientes que mais exigem atenção, não só por ser o coração da casa, mas também por ter a missão de conciliar a beleza visual com funcionalidade, praticidade e organização.

Pensando nisso, o Blog da Arquitetura trouxe 3 dicas essenciais para que você tenha a cozinha moderna que sempre sonhou. Confira!

Foto: Reprodução/ Electrolux.

1. Otimize o espaço com eletrodomésticos de embutir

Especialmente nas plantas atuais, com metragens mais compactas, uma das premissas é otimizar espaço. Para isso, o uso de eletrodomésticos de embutir pode ser uma boa alternativa. O fogão, por exemplo, pode ser escolhido conforme o tamanho da família e das necessidades (4 ou mais queimadores).

Outra vantagem dos eletrodomésticos de embutir é que eles trazem praticidade, seja durante o preparo das refeições ou na hora de limpeza – tudo isso aliado a um design diferenciado, com ares modernos e sofisticados.

Foto: Reprodução/ Electrolux.

Os cooktops, instalados com coifas, são também boas alternativas e que garantem um toque de sofisticação à cozinha. O restante dos móveis, assim como bancadas e mesas, podem seguir o design moderno do utensílio.

O mesmo vale para os micro-ondas e fornos, que fecham juntamente com a geladeira o conjunto de eletrodomésticos de primeira necessidade e que fazem toda a diferença no visual da cozinha.

Foto: Reprodução/ Electrolux.

2. Escolha modelos que sigam um mesmo padrão visual e de acabamento

Outra ponto de atenção quando o assunto é decorar a cozinha está no padrão da composição. Sugere-se que todos os eletrodomésticos tenham o mesmo estilo e acabamento. É o caso dos eletrodomésticos em inox, que podem ser combinados com cores mais fortes e móveis de madeira, e dos eletrodomésticos brancos, que podem ser combinados com outras cores e até dar a sensação de que amplitude do espaço.

Grandes marcas, como a Electrolux, já disponibilizam linhas completas, compostas por diferentes eletrodomésticos desenvolvidos para serem embutidos e combinados entre si. Entre os exemplos podemos citar a linha Home-Pro e os produtos embutidos menores, como o forno elétrico de 50L (OE60M), os cooktops de 4 e 5 bocas (modelos GC58V e GC70V) e o forno de bancada de 44L (FB54A) – todos eles fazem parte do portfólio da marca no segmento built-in para espaços pequenos.

Foto: Reprodução/ Electrolux.

3. Selecionar primeiro os eletrodomésticos para que cada coisa fique em seu lugar

É muito comum que as cozinhas sejam montadas com móveis planejados. Na hora de planejar como vão ser os armários sob medida, é importante estudar os locais de cada eletrodoméstico, de modo que a composição final entre móveis planejados e eletrodomésticos seja harmônica e que nada fique fora do lugar. Isso vale não só para fogão, fornos e micro-ondas, mas também para adegas, máquinas lava-louças e outros aparelhos. Justamente por isso é que se recomenda que os eletrodomésticos sejam escolhidos antes dos móveis.

Uma dica chave é sempre checar os pontos de fiação, para assegurar que as tomadas, pontos de gás, pontos de água, circulação de ar e tamanhos dos nichos estejam adequados aos produtos, fazendo os ajustes necessários para que nenhum aparelho fique afastado da tomada e, por isso, impossível de usar no desenho original do espaço.

Foto: Reprodução/ Electrolux.

[+BÔNUS]

Se você está montando ou reformando a sua cozinha, vale a pena conferir o portfólio de produtos da Electrolux. A marca tem linhas completas com diferentes modelos para que você encontre o que mais combina com o seu estilo de cozinhar.



publicidade