publicidade

publicidade

Turismo arqueológico é a atração de cidades do Império Persa


Aventura e cultura são os principais atrativos do turismo arqueológico, que proporciona conhecimento ao permitir a visitação de antigas ruínas e o contato com a história de civilizações. É como se você abrisse um livro ilustrado de História Antiga e pudesse caminhar pelos lugares que aparecem em suas páginas, sentindo a atmosfera que eles guardam por séculos.

As antigas cidades do Império Persa são uma ótima maneira de fazer turismo arqueológico e aprender sobre uma das culturas mais ricas do planeta, já que este foi um dos maiores impérios da Antiguidade. Atualmente formado pelo Irã, o território foi estabelecido 6 mil anos antes de Cristo (a. C). Seu principal idioma é o farsi e uma de suas principais características é a cultura coesa, quase sem influência ocidental.

Persépolis, uma das mais antigas e importantes metrópoles da antiguidade, foi erguida durante o Império Persa. Quando ainda era capital, foi invadida e incendiada pelo exército de Alexandre, o Grande, em 323 a. C. Apenas em 1930, ela foi redescoberta. Atualmente, o sítio arqueológico, localizado ao sul do Irã, pode ser visitado por quem aprecia história e cultura.

turismo_arqueologico_01_blogdaarquitetura
Uma das ruínas que podem visitadas em Persépolis, antiga capital do Império Persa (Foto: Ivar Husevåg Døskeland)

Outro ponto turístico imperdível é Shiraz, cidade que ainda preserva construções da Idade Média, além de manter belos jardins e mausoléus em homenagem a dois dos mais famosos poetas da região: Sa’adi (1213-1293) e Schams od-Din Mohammed (1327-1390). A apenas 70 quilômetros de Persépolis, ela possui uma arquitetura luxuosa, repleta de espelhos d’água e poemas escritos sobre as estruturas.

turismo_arqueologico_02_blogdaarquitetura
O exuberante Jardim Eram, em Shiraz, um dos cartões-postais do Irã (Foto: dynamosquito)

Outro sítio arqueológico que merece a visita é Pasárgada. Bastante próximo de Shiraz (são 80 quilômetros de distância), o local foi a antiga capital do reino. Dentre as ruínas turísticas que merecem a visita estão o grande túmulo do rei, a Prisão de Salomão, o portão de Xerxes e a Grande Plataforma.

turismo_arqueologico_03_blogdaarquitetura
Pasárgada, tema de poesia de Manuel Bandeira e um dos principais pontos turísticos do Império Persa (Foto: Pasargad Tours)

Para completar a viagem, conheça os túmulos dos antigos reis persas, Dario o Grande, Dario II, Xerxes I e Artaxerxes I, além do sarcófago do profeta Zoroastro. As atrações estão a apenas 6 quilômetros de Pasárgada, em Naqsh-e-Rustam.

turismo_arqueologico_04_blogdaarquitetura
Ruínas históricas em Naqsh-e-Rustam, que fica próxima a Pasárgada, no Irã

publicidade

  • Karise Brustolin Piasecki Schl

    Oi , Lucie. Vou passar 2 dias no Irã e seu blog foi um dos mais claros e objetivos que encontrei. Parabens e obrigada por compartilhar. Abraços!

publicidade