publicidade

publicidade

Como decorar a casa para receber um pet [+DICAS]


Não faz muito tempo em que lugar de cachorro e gato era nos fundos de casa, num cantinho qualquer do quintal. Mas, certamente, as coisas mudaram. Hoje, os bichos de estimação são considerados verdadeiros membros das suas famílias humanas, com direitos especiais assegurados, como espaços com decoração personalizada, de muito estilo e conforto.

O mercado pet está bem atento a isso. Afinal, há milhões de pessoas no mundo dividindo seus lares com amigos de quatro patas. O que a maioria delas deseja é apenas retribuir, o máximo possível, o amor incondicional que esses pequenos seres lhes proporcionam. Para isso, é importante garantir o conforto, a satisfação, a alegria e a saúde dos animais. Os espaços residenciais que eles habitam devem ser bem preparados para atender melhor suas necessidades. Todavia, os interiores não precisam perder, necessariamente, sua beleza estética. Nesta questão, a decoração de interiores pode ajudar.

As dicas dadas, a seguir, podem lhe ajudar a preparar, adaptar, organizar e decorar melhor um cantinho para o seu pet.

(imagem extraída de Made by Mood)

+ Espaço da cama, da comida e do xixi

Os animais domésticos também precisam ter seus próprios espaços reservados dentro do lar. E o mais importante, eles precisam entender isso. Apesar de morarem com seus donos, devem dormir, devem comer e “fazer xixi” em lugares diferentes. Por isso, é preciso que haja um espaço certo e separado para os seus potinhos de água e ração, um para a cama, outro para as toalhas, coleiras e ainda aquele para as necessidades. Uma casa funcional e bem organizada fará com que a tarefa de cuidar do animal seja mais prática.

(imagem extraída de 21 Sunshine Avenue)
(imagem extraída de Houzz)

+ Ambientes e espaços de móveis otimizados

Qualquer canto disponível dentro da residência pode ser devidamente transformado para acolher bem um pet. E quando não há áreas disponíveis, vale a pena apostar na criatividade. É comum, hoje em dia, ter certas zonas em ambientes – como na cozinha, varanda ou banheiros – e mesmo espaços em seus móveis, destinados a atender exclusivamente as necessidades dos animaizinhos. Uma tendência atual, por exemplo, é a instalação de ‘dog-showers’ nas residências. Trata-se de um chuveirinho de mão, instalado na lavanderia ou na garagem, apenas para o uso em cães e gatos. É uma maneira muito mais cômoda e prática dos donos realizarem sua higiene.

(imagens extraídas de Drews Home Team e Pinterest)
(imagem extraída de Pinterest)

+ Amor e design para o amigo quatro patas

Muitos projetos de arquitetura e design de interiores já preveem, antecipadamente, a participação especial dos animais de estimação. A existência de cachorros e gatos em uma residência é um fator importante para a configuração de seus espaços. Ambientes pet friendly precisam apresentar os itens mínimos necessários, assim como materiais corretos, que garantam o conforto e bem estar dos bichinhos. Também devem integrar espaços e necessidades, garantir a organização, a limpeza e o convívio harmonioso entre todos da casa.

(imagens extraídas de Decor Fácil)
(imagem extraída de Hometeka)

A melhor maneira de agregar os pertences do pet à decoração do lar é através do planejamento dos móveis, sob medida. Uma boa ideia é criar nichos, debaixo de tampos ou dentro de balcões, para colocar a caminha, os pratos de comida ou apenas os brinquedos do animal. Isso ajuda a manter suas áreas definidas e o ambiente ao redor menos conturbado. Para que as peças sejam mais fáceis de limpar, é interessante investir em acabamentos acetinados ou semi brilhosos. Já para os pisos, as opções mais indicadas são os revestimentos em madeira ou cerâmica, que mancham menos e protegem melhor os cães e gatos do frio.

(imagens extraídas de Meditacious e Decor Fácil)
(imagem extraída de td-universe)

Tudo bem que os animais não ligam para harmonia visual ou bens materiais. Mas, isso não é desculpa para que eles sejam mal cuidados. Os donos precisam e devem agradá-los, sempre, pois eles são seres especiais, os companheiros mais carinhosos e fiéis. E nunca, jamais, devem se abster de suas responsabilidades, que é amar, proteger e alimentar seus amigos de quatro patas.


Leia Também:

Design para pets

+ móveis e espaços criativos para pets


publicidade

publicidade